terça-feira, junho 28, 2005

Porque a noite está a chegar ao fim

Porque esta noite como tantas outras chega ao fim e um novo dia começa mas, antes que ela acabe e porque hoje cada vez mais me identifico com este poema aqui fica.

Silêncio
_____________________________________
Uma Da manhã
toda uma cidade adormecida
e eu irado, ainda acordado
tomo por vencida a noite fria.
---
Duas da manhã
escuto a tua voz calma
a calmar a minha dor
adormecer a minha alma.
---
Três da manhã
só o som do teu silêncio se mantem
é ele que me mantem acordado
tudo o que não diz eu escuto
---
já não estou irado
estou mudo e cansado
mas escuto
---
O teu silêncio...
Poema por: João Gonçalves
Mais uma vez aqui fica em nome do people de Castelo Branco, este é realmente a pensar em vocês os dois :)
Fikem bem e vejam se algum dia aparecem por cá por casa :p

4 comentários:

milocas disse...

Adorei este!!
Parece que amanheceu...vamos dormir.
Obrigada pela companhia nesta noite ;)

Um beijo* meu irmão. Hoje há outra noite que nos espera.

ruben disse...

até lá :)
Um beijo irmã noturna

João Gonçalves disse...

oi puto.

os direitos de autor pagam-se caro
hehe!!

fica bem e um abraço do ppl de CB

rikimaro disse...

Nao lhe ligues ele nao precisa do dinheiro.

Porta-te